Entre tanta indecisão, abre e fecha de atendimento presencial, os bares, restaurantes, lanchonetes sofrem por não poderem receber seus clientes no estabelecimento.

Desde o começo da pandemia esse setor passou por uma grande adaptação, o que já exigiu aprendizado e dedicação. No momento que vivemos, novas fases da pandemia chegaram para algumas cidades do Brasil e o fato que um dia a reabertura presencial será uma realidade para todos (assim esperamos).

E mesmo que o cenário ainda seja incerto, é necessário estar preparado e com as estratégias traçadas, além de preparar o seu público para que estejam cientes das suas ações e posicionamento em um momento de reabertura.

Algumas pessoas se sentem ainda inseguras para quebrar o isolamento social, outras desejam ansiosamente finalmente sair de casa e para ambas tomar os cuidados é necessário. Tanto como cuidado com a doença, como atrair clientes para faturar.

Por isso, reunimos aqui algumas orientações e protocolos para retomada de atividades para Bares e Restaurantes com segurança.

Cardápios

Ofereça cardápios em outras formas, como online com acesso por QR Code. Esse formato evita o contato humano, com objetos e ainda diminui a circulação de pessoas pelo ambiente. Se você ainda não está adepto a tecnologia uma opção é plastificar o cardápio para que seja possível fazer a higienização.

Higienização do ambiente

Esse fator é um dos primordiais para oferecer segurança e prevenção. Faça a limpeza do banheiro com maior frequência, assim como de maçanetas, corre mão, interruptores e torneiras. Evite oferecer toalhas de tecidos e se você oferecer ela deve ser trocada a cada cliente. Outra dica é plastificar as mesas e não usar toalhas de mesa ou guardanapos, assim a higienização é mais fácil e ágil.

Máquina de cartão

Aqui o contato com as mãos é muito grande, o que pode ser um perigo. O que se pode fazer é plastificar a máquina para facilitar a limpeza e evitar contágio. Além disso, apesar da tecnologia já ser bastante utilizada, muitos não se acostuma usar o cartão com a função de aproximação, se a sua equipe não tem esse hábito é bom adéque-los para esse formato.

Funcionário fiscalizador

Uma prática útil é designar um funcionário para ficar responsável em analisar se todos os protocolos estão sendo seguidos, além de recepcionar e orientar clientes que chegam sobre as medidas de segurança.

Ações do cliente para maior segurança
• Checar as práticas de prevenção de bares e restaurantes antes de ir aos locais
• Os protocolos devem incluir uso obrigatório de máscara entre funcionários e clientes quando não estão comendo ou bebendo
• Verificar se há área externa e optar por essa alternativa, se possível
• Informar-se se é respeitada a distância mínima de dois metros entre as mesas
• Evitar horários de maior movimento
• Dê preferência a locais com menu online ou via app, porque isso torna os pedidos mais rápidos e seguros
• Siga e respeite rigorosamente todos os protocolos.

Cuidados dos funcionários
• A equipe deve ser orientada a lavar as mãos na chegada ao trabalho e ao longo do expediente. Deve ser uma rotina contínua
• É essencial falar sobre a correta utilização da máscara e garantir que todos usem a proteção de forma adequada
• Outra dica é pedir aos funcionários para que, se for possível, troquem a roupa e o calçado usados no caminho ao trabalho
• Os proprietários devem criar procedimentos para que os trabalhadores possam informar os supervisores sempre que tiverem algum sintoma ou em caso de doença. Nesses casos, eles devem ser afastados
• Colaboradores de grupos de riscos devem trabalhar em setores que não tenham contato direto com o público.

Seguido esses procedimentos você estará garantindo a saúde do seu restaurante e dos seus clientes. A confiança gerada neste momento pode ser o diferencial para atrair clientes. Boas vendas!