Branding, Marketing

Dicas de como melhorar o seu delivery

As estratégias online e offline quando o assunto é delivery são mais que necessárias no momento que estamos vivendo. Afinal, o delivery se tornou o melhor formato para vender durante a pandemia e esse hábito irá prevalecer por muito tempo.

Para atender no trabalho, em casa ou durante reuniões temos sempre, à nossa disposição, diversas opções de restaurantes com apenas alguns cliques. Somos consumidores que normalmente nos adaptamos rapidamente às facilidades.

Se você tem um restaurante e ainda não pensou em atender online, o momento é agora. Se você já está no mundo digital e busca estar sempre presente quem procura uma boa refeição via delivery, as dicas que separamos são essenciais para sua estratégia.

Marque presença nas redes sociais

Esse primeiro ponto para que você crie uma relação com seus clientes. Para isso você tem que se tornar um referencial para que seus consumidores em potencial o encontrem com informações relevantes sobre seus serviços e produtos.

Mas como existem diversas redes sociais para divulgar, você precisará entender qual faz mais sentido para o seu estabelecimento na hora de oferecer e divulgar seus produtos. No geral ampliar sua comunicação através dos stories, compartilhar seu cardápio, abordar as vantagens que oferece em relação à concorrência, depoimentos no feed. Você pode criar vídeos mostrando o preparo de cada prato, entre outras inúmeras ações. Tudo isso para engajar seus consumidores.

Estruture seu sistema interno para atender a demanda

Não adianta marcar presença nas redes e apps de entrega se você não estruturar a sua equipe interna para atender com eficiência todos esses canais. É importante estabelecer por onde você aceitará os pedidos, sem deixar nenhum cliente em dúvida se o pedido está em produção ou não. É importante, se possível, ter alguém à disposição para responder às mensagens e comentários sobre dúvidas.

Coloque fotos e descrições dos pratos nos canais

Um cardápio que vende deve conquistar os clientes pelos olhos e imaginação. Por isso, tire boas fotos e coloque detalhes na descrição que chamem atenção para os seus produtos, além de detalhar quais são os ingredientes. Essa é uma ótima tática para despertar o apetite do cliente além de evitar que ele faça muitas perguntas.

Inclua a tecnologia no seu negócio

Para ajudar a organizar processos e ter mais organização e agilidade as tecnologias como software de gestão de estabelecimentos são uma ótima opção.

Eles podem auxiliar na fila de pedidos, no gerenciamento de entregas e clientes, ter mais organização de mesas e comandas.

Gostou das nossas dicas de estratégias para delivery? Esperamos ter ajudado e caso tenha mais dicas, poste nos comentários para ajudar também outras pessoas.

Leia Mais
Marketing, Tecnologia

Facebook vai banir crianças e adolescentes que se dizem maiores de idade nas redes

Todo usuário do Facebook, ao se cadastrar na rede social, precisa marcar que “leu e concorda” os termos descritos, que dize que não pode ser usado se for menor de 13 anos. Mesmo assim, isso não impede que crianças mais jovens abram contas no site.

Levando em consideração o fato, o Facebook optou por adotar uma postura mais rígida contra a entrada de crianças na rede social. A empresa irá passar a banir perfis suspeitos de pertencerem a pessoas menores de 13 anos sem aviso prévio, disse o TechCrunch.

Atualmente, a política usada pelo Facebook é banir perfis de crianças quando são denunciadas e avaliadas por terem mentido a idade. A partir de agora, as contas serão bloqueadas após serem investigadas por qualquer outro motivo, comunicou a empresa.

Assim, caso um usuário seja denunciado por usar a foto de outra pessoa, e o Facebook descobrir através de uma apuração que o perfil pertence a uma criança menor de 13 anos, a conta em questão será bloqueada de qualquer modo.

Para recuperar a conta, caso tenha sido bloqueado por engano, o usuário terá que apresentar ao Facebook uma “prova” de que não mentiu a idade, como um documento pessoal com foto, ou mesmo a certidão de nascimento.

A medida começou a ser tomada após uma reportagem no Reino Unido denunciar uma política de “vista grossa” em agências terceirizadas encarregadas de revisar o conteúdo postado no Facebook, o que quebraria as regras do Facebook.

De acordo com um funcionário de uma agência chamada CPL Resources, na Irlanda, ele foi instruído a ignorar perfis que pareciam de menores de 13 anos.

“Só precisamos que a pessoa admita que é menor de idade. Se não, não apenas fingimos que somos cegos”.

O Facebook não aceitou a reportagem e disse que todo o trabalho de agências terceirizadas é checado uma segunda vez por funcionários da própria rede social. Mesmo assim, a companhia afirmou que está reforçando o trabalho.

font: https://www.evidenciador.com.br/acontece/tecnologia/facebook-vai-banir-criancas-e-adolescentes-que-se-dizem-maiores-de-idade-nas-redes/

Leia Mais